sábado, 12 de dezembro de 2009

"Piassa Documentara Caravana da Cidadania Cultural Através Oficinas Poética".



Caravana da Cidadania Cultural


O Ministério da Cultura visitará 16 estados para mapear a diversidade cultural brasileira.

São Francisco do Conde, no Recôncavo Baiano, foi o município escolhido para o pré-lançamento do projeto Caravana da Cidadania Cultural, uma promoção do Ministério da Cultura, em parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IRFN) e instituições federais de vários estados.



Estarão presentes no evento - que acontecerá nesta quinta-feira, 20 de agosto, das 10h às 12h, no Mercado Cultural e na Universidade Estadual de Feira de Santana - o ministro da Cultura, Juca Ferreira, e os 54 prefeitos dos municípios da região. Pelo MinC, também participam o secretário executivo Alfredo Manevy, os secretários Célio Turino (Cidadania Cultural), Silvana Meireles (Articulação Institucional) e Américo Córdula (Identidade e Diversidade Cultural), e a chefe da Representação Regional Nordeste, Tarciana Portela, dentre outros.

A Caravana da Cidadania insere-se nas ações dos programas Mais Cultura e Cultura Viva, do Ministério da Cultura, e tem como objetivo fortalecer a memória, a história, a identidade e a diversidade cultural das diversas regiões do país.


A proposta é promover uma grande mobilização em torno de discussões sobre o papel da Cultura na sociedade globalizada, envolvendo o poder público nas instâncias estadual e municipal, além de grupos culturais, instituições de ensino e pesquisa, e Pontos de Cultura.

Em todas as edições do projeto serão realizadas apresentações de grupos locais e nacionais, palestras, exposições e oficinas de arte. Segundo dados do MinC, essa exclusão se manifesta no fato de, por exemplo, mais de 90% dos municípios brasileiros não possuírem salas de cinema.

Serão percorridas, até março de 2010, 18 cidades em 16 estados do país. As localidades foram previamente selecionadas e receberão, ainda, visitas de técnicos para a elaboração de um levantamento sociocultural com vistas a fortalecer as manifestações artísticas locais, assim como a catalogação para o desenvolvimento de políticas públicas para a área. O artista Plástico Piassa que tem como principio de trabalho a interação com as comunidades, criou para essa caravana, oficinas poéticas que irão registrar a poética das imagens e a poesia das palavras das comunidades visitadas, permitindo aos participantes interações com seus costumes regionais de escrita e de palavras. Que terão como suporte alguns elementos que permitem uma plasticidade de interações estéticas em sua superfície, permitindo criar indefinidamente objetos de arte que no final da caravana serão montados em Brasília como um marco da integração do Ministério da Cultura com o homem cidadão brasileiro em sua maneira de se expressar e pensar sua cultura suas escolhas seus costumes.





Caravana da Cidadania Cultural

A iniciativa acontecerá de forma itinerante percorrendo municípios de todas as regiões brasileiras. Em torno desses serão agregadas diversas outras cidades de pequeno e médio porte. O projeto vai garantir à população o acesso aos bens culturais e aos meios de produção artística, estimulando a diversidade cultural e o intercâmbio entre grupos.

Fazem parte da metodologia o mapeamento das manifestações culturais locais, mobilização de artistas, grupos e Pontos de Cultura, construção de parcerias, ocupação de espaços públicos, mobilização de gestores públicos, realização de atividades culturais e educativas, ocupação de espaços nos veículos de comunicação, documentação das ações que deverão gerar um documentário cinematográfico e fotográfico sobre as Caravanas realizadas e, finalmente, a publicação de um livro com textos e imagens sobre o projeto.



Mais Cultura e Cultura Viva na Bahia

A Bahia foi o primeiro estado a aderir ao Mais Cultura, Programa que tem como objetivo democratizar o acesso da população a bens e serviços culturais. Em 2008, foram investidos no estado cerca de R$ 13 milhões, dos quais R$ 3 milhões (primeira parcela de três) destinados para apoiar 150 Pontos de Cultura, R$ 6,5 milhões para a implantação de 101 bibliotecas públicas municipais e R$ 2 milhões para a modernização de outras 36 unidades.

No Recôncavo Baiano, destaca-se a implantação de 11 bibliotecas e a modernização de outras sete, e recursos para 17 Pontos de Cultura, conveniados com o Programa Cultura Viva, e 17 Pontos de Leitura. Para 2009, com a descentralização das ações do Mais Cultura, os investimentos na Bahia devem saltar para R$ 26,8 milhões, sendo R$ 17,9 milhões do MinC e R$ 9 milhões do governo estadual.

Microprojetos - De forma inédita, o Mais Cultura está disponibilizando crédito para financiar projetos culturais voltados aos jovens do Semiárido entre 17 e 29 anos. Na Bahia, são 281 municípios que podem participar do edital Microprojetos Mais Cultura,
com investimento de R$ 3 milhões. Desses, 11 municípios estão localizados no Recôncavo Baiano

. Os projetos podem ser enviados até o próximo

dia 9 de setembro.


4 comentários:

*MARY CALÓ* disse...

Parabéns ao Artista plástico Piassa, pela iniciativa de levar p/ pessoas das comunidade a oportunidade de conhecimento e interação c/ sua arte tbm despertando e incentivando novos talentos.
Que sirva de exemplo p/ outros artista
Mary Caló -Bahia

lya toledo disse...

Parabéns pela iniciativa. desejo que seja total sucesso!
Lya Toledo

pedaços de uma dri disse...

PIASSA, MUITO BOM O PROJETO, NESTE MUNDO CADA VEZ MAIS GLOBALIZADO, CREIO QUE OS PROJETOS CULTURAIS REGIONALIZADOS É UM PONTO DE PARTIDADA PARA QUE PEQUENOS LUGAREJOS E CIDADES TORNEM-SE PARTE ATIVA DESTE MUNDO QUE POUCOS TEEM ACESSO. A ARTE E A CULTURA SÕ FORMAS DE EXPRESSÃO INDISPENSÁVEIS NUM BRASIL TAO CHEIO DE CONTRASTES. PARABÉNS!!! CONTE COMIGO! BEIJOS!

Anônimo disse...

Susana:

O sucesso não é o final e o fracasso não é fatal: o que conta é a coragem para seguir em frente. Lindo artista quando li isso que você escreveu mexeu com minhas lembranças e se eu soubesse disso não sofreria tanto, Piassa amo seu trabalho e a sua disposição e continua criação só lamento não o conhecer pessoalmente, mas pela transparecia de sua arte acredito que já o conheço, pois você lindo artista passeia com suas frases poemas cores e objetos em minha mente eu amo o Piassa e sua obra beijos lindo homem e parabéns por mais essa conquista.
Susana
Vitoria da Conquista BA